Cuiabá será palco do 2º Encontro dos Artistas de Picadeiro. O maior evento circense de Mato Grosso será realizado entre os dias 8 e 13 de dezembro no Circo Leite de Pedras e vai reunir artistas das mais diferentes especialidades do Brasil, Espanha e Portugal.

No evento vai ser promovido oficina artística e apresentações para todas as idades com intercâmbio de experiências, troca de informações entre artistas experientes e iniciantes, além de muitas palhaçadas.

Com iniciativa cultural para a revitalização do circo e formação de um novo público, o diretor geral, Ilson de Oliveira (Cia Theatro em Cena), garante a realização de espetáculos divertidos, com alta qualidade para os mais diversos gostos e idades. “Vamos promover o intercambio de cultura, qualidade e criatividade artística com muita diversão inspirados na arte do picadeiro”, destaca.

Leia também:  Servidores públicos lavam AL em ato contra a corrupção

Segundo ele, o encontro promete emoção, encantamento, dedicação e muita alegria. Ilson ressalta que para assistir as peças basta levar um litro de leite em caixa, que posteriormente, serão doados para entidades filantrópicas.

No dia 08, segunda-feira, na abertura oficial do evento o espetáculo apresentado pela Escola Circo Leite de Pedras será “Estórias de Jardim”. Na terça-feira (09), será a vez do Grupo Tibanaré, com o espetáculo “Palhaçando”; na quarta-feira (10), a Cia Chirulico de Teatro Bonecos e Palhaçaria de Macaé (RJ) irá apresentar o espetáculo “Gran Pequeno Circo Chirulito”.

Na quinta-feira (11), a Cia Madame Nez Rouge de Porto (Portugal) apresenta o espetáculo: Solo de Palhaça – Madame Kill. Na sexta-feira (12), a Cia Trupe Peripécias de Osasco (SP) apresenta o espetáculo Peripécias. E no encerramento, no sábado (13), a Companhia Cromossomos. Concepção, criação e direção de Aline Moreno de Barcelona que apresenta o espetáculo, “Grávida de um novo mundo”, e a partir das 21 horas, a mesma companhia vai intermediar a Conferencia “A importância do riso para pessoas que sofrem exclusão social”.

Leia também:  Corpo de adolescente é encontrado no Rio Cuiabá após nadar com amigo

O Encontro é realizado pelo segundo ano consecutivo com apoio do governo do Estado, através da Secretaria de Estado Cultura, Conselho Estadual de Cultura e iniciativa privada. “Nosso objetivo é encontrar novas platéias nos lugares públicos fazendo com que arte seja sempre viva”, frisa.

Ilson de Oliveira é produtor cultural, ator, diretor e está no ramo há 22 anos em Mato Grosso com longa experiência na arte circense.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.