Primeiro negro da história da Fórmula 1, bicampeão mundial e um dos mais badalados esportistas da Inglaterra: Lewis Hamilton é mais que um piloto, é uma estrela pop. E quando não está com macacão e capacete desfilando seu talento pelas pistas, o britânico exibe um estilo próprio de se vestir fora delas.

Do jovem de sorriso tímido que conquistou seu primeiro título em 2008 ainda empresariado pelo pai até levantar a segunda taça, em 2014, é possível perceber a transformação que Lewis passou. Não por acaso, nos últimos quatro anos ele foi empresariado pela XIX Entertainment, agência de celebridades comandada por Simon Fuller – relação finalizada no início de novembro.

Leia também:  MT | Inscrições para Circuito Estadual de Tênis encerram nesta segunda

Fã do estilo musical rap, Hamilton costuma utilizar nos últimos anos roupas ligadas a esse universo: casacos, bonés de aba reta e tênis de cano alto. As tatuagens e os cordões grossos também são um capítulo a parte – o mais chamativo deles continha uma estampa gigante do quadro “Cars” de Andy Warhol.

Nos últimos meses, porém, Hamilton resolveu dar uma variada no visual. Vira e mexe ele deixa um pouco a veia rapper de lado e adotou um estilo diferente, com uma pitada de ousadia. Na cerimônia de premiação da FIA, depois de receber o troféu da F-1 2014 de terno e gravata, lançou mão de um chapeuzinho preto na entrevista coletiva. E o acessório se tornou item quase que imprescindível no look de Hamilton. Dentre flagras de fotógrafos a posts no instagram, vira e mexe o piloto aparece publicamente de chapéu.

Leia também:  Diretoria do União deve apresentar equipe dia 14
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.