Hilda Furacão ficou famosa após minissérie global
Hilda Furacão ficou famosa após minissérie global

Hilda Maia Valentim, conhecida no Brasil como Hilda Furacão, morreu nesta segunda-feira (29) aos 83 anos, um dia antes de seu aniversário, segundo informou o asilo Guillermo Rawson, em Buenos Aires, onde estava internada há mais de um ano. A ex-prostituta ficou conhecida e eternizada pelo livro homônimo, escrito por Roberto Drummond, e que inspirou uma minissérie global de 1998, onde Hilda é interpretada por Ana Paula Arósio.

O asilo informou que a morte de Hilda foi resultado de “causas multiorgânicas”, após uma gradativa deficiência respiratória, que motivou uma falha renal. Hilda, que completaria 84 anos nesta terça-feira (30), foi internada no asilo após a morte de seu filho, com quem vivia na capital argentina até o ano passado.

Leia também:  O Rico e Lázaro | Zac confessa para Asher que matou seu pai em Judá

Ainda não há informações sobre o enterro, uma vez que o asilo aguarda o contato de algum familiar, o que ainda não aconteceu, para ajustar os detalhes de todo o processo.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.