O estado de Mato Grosso apresentou uma queda de 12% em comparação com outubro nos emplacamentos de veículos. Em novembro foram emplacados 9.426 novos veículos, enquanto que em outubro foram 10.721 unidades comercializadas. Com 870 veículos emplacados, Rondonópolis é a terceira cidade do estado com maior número de comercialização de veículos no mês de novembro em Mato Grosso.

No comparativo com o mesmo período do ano passado, a queda chega a 10%, segundo o balanço da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores de Mato Grosso (Fenabrave-MT). No acumulado do ano, já foram comercializados 112.121 veículos, 2,9% menor do que em 2013, que no mesmo período já contabilizava 115.522 vendas.

Leia também:  Anatel rejeita proposta da Oi de trocar multas por investimentos

Conforme o presidente da Fenabrave-MT, vários fatores podem ter levado a esse resultado, entre eles a quantidade de dias úteis do mês de novembro, inferior a de outubro. “Também sabemos que os consumidores preferem esperar dezembro, quando recebem o 13º, e tem a possibilidade de comprar seu veículo com isenção de IPVA”, destacou o dirigente.

SEGMENTOS

No balanço por segmentos, a categoria de caminhões apresentou crescimento de 4,5%, totalizando 302 emplacamentos. O presidente da Fenabrave-MT lembrou que com a safra de soja plantada, os empresários do ramo já começaram a pensar no escoamento, investindo em novos caminhões.

O segmento de comerciais leves registrou 1.532 vendas, com 21,1% de retração. Já as motocicletas tiveram queda de 14,6%, com 3.571 emplacamentos. O segmento de automóveis emplacou 3.569 unidades, número 5,3% menor do que o mês anterior.

Leia também:  Justiça suspende regra sobre respeito aos direitos humanos em redação do Enem

MUNICÍPIOS

Na contagem por cidades, Cuiabá contabilizou 2.981 emplacamentos, seguido de Várzea Grande, com 885, Rondonópolis, com 870, Sinop, com 601 e Sorriso, com 327 unidades comercializadas.

NACIONAL

Em todo país 420.958 veículos foram emplacados em novembro, número 4,8% menor que o mês anterior e 4,3% menor do que o mesmo período do ano passado. No acumulado do ano, o Brasil emplacou 4.583.714 unidades.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.