Um pecuarista foragido da Justiça foi preso pela Polícia Judiciária Civil no município de Porto Esperidião (326 km a Oeste), na manhã desta terça-feira (09.12, na operação “Aves de Rapina”, desencadeada pela Polícia Civil de São José do Rio Preto (SP) para cumprimento de ordem judicial.

O procurado, Sérgio José de Araújo, 47, conhecido como Sérgio Maritaca ou Veinho, estava com o mandado de prisão em aberto pelos crimes de tráfico de drogas, furto e receptação.

Sérgio José é natural de São José do Rio Preto, estado de São Paulo e proprietário de uma fazenda localizada no município de Porto Esperidião, região de fronteira com a Bolívia. Ele é acusado envolvimento com tráfico de drogas, furto e receptação de equipamentos agrícolas e teve o pedido de prisão preventiva decretado pela Justiça de Vara Única da Comarca de Palestina, São Paulo.

Leia também:  Coisa de Filme | Motorista é preso por embriaguez, ameaça e direção perigosa em Rondonópolis

Durante o cumprimento do mandado, os policiais civis apreenderam também na propriedade de Sérgio José, uma caminhonete Hilux, um trator Valta vermelho e um caminhão Mercedes Benz de cor branca.

Conforme a polícia, as investigações que culminaram na operação “Aves de Rapina” começou há cerca de 1 ano pela Policia Civil de São José do Rio Preto e ganhou o nome “Aves de Rapinas”, uma referencia às equipes que trabalharam no caso, duas policiais de São José do Rio Preto (SP).

O acusado foi encaminhado para o Presídio do município de São José dos 4 Marcos (315 km a Oeste), à disposição da justiça.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.