Durante o mês de novembro 12 pessoas que estavam foragidas da Justiça foram presas pela 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Civil, do bairro Cristo Rei, em Várzea Grande. Uma força-tarefa foi realizada pelos policiais civis para dar cumprimento aos mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão domiciliar.

As ordens judiciais foram decretadas pela Comarca de Várzea Grande, para os crimes de homicídio, tentativa de homicídio e roubo. A ação resultou ainda em duas prisões em flagrante, apreensão de duas armas de fogo e de porções de pasta base de cocaína.

O cumprimento dos mandados, proveniente de crimes ocorridos no município de Várzea Grande, ocorreram em diferentes cidades de Mato Grosso. Sete pessoas, sendo seis homens e uma mulher foram presos em Várzea Grande. Um acusado de roubo foi localizado no município de Pontes e Lacerda. O suspeito de cometer um homicídio preso na cidade de Nova Olímpia e outro acusado de tentativa de homicídio foi encontrado em Acorizal.

Leia também:  Desempregado é preso por tráfico de drogas no Monte Líbano

Dois mandados de busca e apreensão domiciliar resultaram no flagrante de um traficante, em posse de várias porções de pasta base de cocaína. Em outro flagrante, um homem foi preso pelo crime de posse ilegal de arma de fogo e receptação, situação em que os investigadores apreenderam um revólver, calibre 38, e uma pistola 380.

Dois réus procurados pela Justiça morreram sendo constatado através do atestado de óbito.

Todos os presos foram transferidos à Cadeia Pública de Várzea Grande, permanecendo à disposição da Justiça.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.