Alguns agricultores do estado de Mato Grosso – MT estão sentindo prejuízos na plantação de soja. É que a germinação de sementes do grão está abaixo do esperado e tem sido uma reclamação frequente dos produtores de MT na safra.

Especialistas acreditam que o problema da baixa germinação, pode estar relacionada pela armazenagem feita incorretamente, já que atingiu-se altas temperaturas no período de estiagem. Isso teria causado envelhecimento precoce nas sementes.

O vice-presidente da Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat), Gladir Tomazelli, explica que, este ano, em MT, não existe nenhum produtor de sementes que entregue sementes de má qualidade. “Não é condição do produtor de sementes dar prejuízo para o agricultor. O que nós precisamos é que o agricultor colha bem, que tenha alta produtividade, que empregue tecnologia. Isso vai nos fazer a continuar no mercado”, diz o vice-presidente durante entrevista a um site de notícias do estado.

Leia também:  MT é eleito o 3º estado com melhor frequência escolar no ensino médio

Ainda conforme Tomazelli, a melhor saída para resolver o problema da má qualidade das sementes é um diálogo entre as partes.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.