equipe futsalO novo campeão estadual levou o troféu da Taça Mato Grosso de Futsal, na categoria adulto masculino, depois de dominar dentro de quadra todos os adversários. O Uirapuru chegou a vencer a última partida com placar de seis a zero sobre Bombeiro. A equipe, sob comando do técnico Gilson Luiz de Freitas, garantiu vitórias nos cinco jogos com no mínimo dois gols de vantagem. A competição, organizada pela Federação Mato-grossense de Futsal (FMFS), ocorreu no último fim de semana, no Ginásio Poliesportivo Aecim Tocantins, em Cuiabá.

De acordo com o secretário-geral, Zaldivar da Silva Corrêa, o Uirapuru se isolou na liderança com cinco jogos, cinco vitórias, 24 gols pró, sete gols contra e 15 pontos. Na matemática do campeonato, o time teve a maior pontuação e o melhor saldo de gols (17 tentos). E o secretário-geral ainda ressalta que foi o time que menos tomou gols e a segunda que mais pontuou. Perdendo a liderança dos gols pró só para o vice-campeão, Nobres Grêmio Fischer.

Leia também:  Brasil dá show em Cuiabá e avança no Grand Prix

“O Uirapuru conquistou a Taça Mato Grosso de Futsal de forma imponente. Já o segundo, terceiro e quarto lugares ficaram embolados com a mesma quantidade de pontos, ambos os três com nove pontos. Então o desempate foi para o critério de saldo de gols. Nesse quesito que Nobres pegou vice, Diamantino terceiro lugar e Bombeiro, que era o vice-líder até a quarta rodada, caiu para o quarto lugar. Depois temos Dom Bosco e Mixto por último”, conta Zaldivar.

DESTAQUE

De acordo com o vice-presidente da FMFS, Samuel de Oliveira Neto, os atletas do Dom Bosco foram destaque por terem disputado todas as partidas com muita força de vontade, mesmo quando não havia mais chances de subir ao pódio. Samuel conta que, mesmo após a terceira derrota, eles continuaram jogando com gana de vencer.

Leia também:  Futebol em luto: morre Gilson Lira

O técnico do Dom Bosco, Jonilso Marçal, ao ser perguntado sobre o motivo de terem jogado com tanto empenho, mesmo sem chances, disse: “Nós levamos o esporte a sério. Não importa se vamos perder ou vencer. O importante é ter uma postura de vida de nunca desistir”. Marçal também conta que seus jogadores são todos ex-membros do projeto “Boas Novas”, que ajuda, por meio do esporte, cerca de 50 crianças em vulnerabilidade social, em Várzea Grande.

Segundo o idealizador do projeto, Tyago Soares dos Santos, 19 anos, também atleta da equipe, a idéia do projeto Boas Novas surgiu quatro anos atrás com a intenção de tirar crianças carentes do mundo das drogas. Ele conta que por meio do esporte as pessoas conseguem criar vidas que possam se orgulhar.

Pódio
1º lugar: Uirapuru
2º lugar: Nobres Grêmio Fischer
3º lugar: Diamantino
4º lugar: Bombeiro
5º lugar: Dom Bosco
6º lugar: Mixto

Leia também:  Apresentador passa mal "ao vivo" em Lucas do Rio Verde

Resultados:
1ª Rodada (Quarta-feira – 26/11)
Diamantino 02 x 06 Bombeiro
Mixto 02 x 06 Nobres Grêmio Fischer
Uirapuru 05 x 00 Dom Bosco
2ª Rodada (Quinta-feira – 27/11)
Bombeiro 04 x 03 Dom Bosco
Mixto 02 x 04 Uirapuru
Diamantino 06 x 05 Nobres Grêmio Fischer
3ª Rodada (Sexta-feira – 28/11)
Bombeiro 04 x 03 Mixto
Nobres Grêmio Fischer 03 x 05 Uirapuru
Diamantino 06 x 02 Dom Bosco
4ª Rodada (Sábado – 29/11)
Nobres Grêmio Fischer 06 x 03 Bombeiro
Dom Bosco 01 x 00 Mixto – Walkover (WO)
Diamantino 02 x 04 Uirapuru
5ª Rodada (Domingo – 30/11)
Diamantino 01 x 00 Mixto – Walkover (WO)
Dom Bosco 06 x 07 Nobres Grêmio Fischer
Uirapuru 06 x 00 Bombeiro

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.