Colisão terminou em morte - Foto: Ricardo Costa / AGORA MT
Colisão terminou em morte – Foto: Ricardo Costa / AGORA MT

Uma pessoa morreu após uma colisão entre um ônibus e um carro, modelo Uno, no km 214 da BR-364 (próximo ao Posto de Combustível 364), em Rondonópolis, na manhã desta segunda-feira (26).

O condutor do Uno morreu na hora, já o motorista do ônibus teria sido socorrido pela ambulância da concessionária Rota Oeste e encaminhado para o Pronto Atendimento (PA). As primeiras informações são de que ele teve sofreu ferimentos leves.

O ônibus saiu de Brasília – DF com destino a Aripuanã- MT. De acordo com o instrutor dos motoristas da Eucatur, Samuel,  o ônibus estava lotado, haviam 42 passageiros.  Eles seguiram viagem em outro ônibus da empresa.

O trânsito sentido Rondonópolis a Cuiabá segue um pouco lento, mas está liberado.  O sentido contrário segue normalmente pela pista antiga.

Leia também:  Após sair de igreja, jovem de 29 anos é baleado e morre no Jardim Ipiranga
Inspetor da PRF, João Batista Costa  - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Inspetor da PRF, João Batista Costa – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF), João Batista Costa, orienta aos motoristas que dirijam com cuidado e com calma na rodovia.

“A gente pede que os motoristas viajem com tranquilidade, com calma e descanso, porque a pista está em obra e o trânsito é intenso. A orientação é que os condutores dirijam com calma para evitar acidente desse tipo,” alertou o inspetor.

Perito criminal, Kairo Diego, que atendeu a ocorrência - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Perito criminal, Kairo Diego, que atendeu a ocorrência – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

De acordo com o perito criminal, Kairo Diego, que atendeu a ocorrência, disse que trabalha ainda com duas a três possibilidades que possam ter causado acidente.

“Foi uma colisão frontal entre os dois veículos muito próxima ao centro da pista, nós vamos fazer os levantamentos, as medições para verificar quem adentrou a faixa de circulação contrária de quem, ou mesmo se houve, uma causa concorrente. Ali tem duas ou três possibilidades, nós vamos verificar isso em laboratório para podermos a conclusão de fato que ocorreu no evento,” concluiu o perito.

Leia também:  Durante confraternização em rio, irmãos de 5 e 7 anos morrem afogados

Atualização

às 8h44 – A vítima fatal foi identificada como Valmi Ribeiro Cunha. Uma pessoa que trabalhava junto com a vítima esteve no local e reconheceu o corpo. Valmi era morador de Cuiabá, mas trabalhava na empresa Cavalca, que presta serviço nas obras de duplicação da BR-163, em Rondonópolis.

Veja imagens do local do acidente:

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.