Depois de garantir que o GP da Alemanha deste ano seria realizado em Hockenheim, o chefão da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, voltou atrás e afirmou que o local da etapa ainda não está definido. Em entrevista à Sky Sports nesta quarta-feira, o dirigente ressaltou que nenhum contrato foi assinado com a cidade, o que pode fazer com que a corrida seja disputada em Nuerburgring. Perguntado sobre a chance de não haver GP da Alemanha este ano, Ecclestone brincou com o entrevistador.

– Já temos um (GP da Alemanha). Chama-se Áustria – disse o chefão da Fórmula 1.

Como não chegou a um acordo com Hockenheim, Ecclestone afirmou ainda que terá uma reunião com os dirigentes de Nuerburgring nos próximos dias. Por conta de um acordo de alternância, a prova deveria ser realizada em Nuerburgring, uma vez que o evento do ano passado foi em Hockenheim.

Leia também:  Luve vence fora de casa e escapa da degola

– Faríamos de tudo para impedir que eles saíssem, mas, no fim das contas, a única razão pela qual a corrida não aconteceria é porque eles não podem arcar com ela – destacou.

Ferrari cria site para divulgar novo carro

Também nesta quarta, a Ferrari lançou um site para mostrar o seu novo carro aos torcedores. A cada compartilhamento da página, o torcedor tem acesso a uma das partes do veículo de uma das escuderias mais tradicionais da Fórmula 1.

Após uma temporada ruim, a Ferrari tenta se recuperar em 2015. Contando com o alemão Sebastian Vettel como principal piloto, a equipe – que tem também o finlandês Kimi Raikkonen será chefiada por Maurizio Arrivabene.

Leia também:  Atleta da Seleção brasileira de Hóquei é assassinado com tiro na nuca em SP

Apesar do lançamento do site, o nome e o desenho do novo carro da Ferrari só serão conhecidos no dia 30 de janeiro.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.