O UFC confirmou algumas das principais lutas que irão mobilizar a organização nos próximos meses. O brasileiro Ronaldo Jacaré, um dos cotados a disputar o cinturão dos pesos médios da organização, irá enfrentar o cubano Yoel Romero na co-luta principal do UFC: Machida X Rockhold, que acontecerá no dia 18 de abril, em Nova Jersey, nos Estados Unidos. O duelo já deveria ter ocorrido em 28 de fevereiro, no UFC 184, mas Jacaré foi diagnosticado com pneumonia, o que adiou o confronto.
Outro duelo que está sendo promovido pelo UFC com grande destaque será o confronto entre Urijah Faber e Frankie Edgar, que foi escolhido para ser o evento principal do primeiro UFC nas Filipinas. Programado para 16 de maio, o confronto ocorrerá na categoria dos penas, com Faber subindo de peso após um período lutando entre os pesos-galos. O empresário de Urijah Faber, Mike Roberts, comentou, em entrevista ao site norte-americano BloodyElbow, como foi a negociação para o duelo. “Foi muito difícil de casar esta luta. Eu penso que Urijah e Edgar sabem que esta será uma luta que deixará um legado e quiseram fazer isso pelos fãs. Pelo menos por parte do Urijah eu sei que isto é verdade. Está foi a luta dele que foi mais difícil para que eu fizesse acontecer”, explicou Roberts.

Leia também:  Ronaldo é ovacionado pela torcida do Real ao participar de jogo de lendas

O UFC também confirmou a volta de Daniel Cormier ao octógono após a derrota sofrida para Jon Jones no UFC 182, pelo cinturão dos meio-pesados. Para enfrentar o lutador, Ryan Bader foi escalado e ambos farão o evento principal do UFC Fight Night, em 6 de junho. Até o momento, esta foi a única luta confirmada para este card.

Por fim, Claudia Gadelha também teve seu próximo duelo confirmado para o UFC Fight Night 64, que acontecerá em 11 de abril, na Polônia, contra a irlandesa Aisling Daly. Curiosamente, Daly é treinada pelo também irlandês Conor McGregor, que será o desafiante do colega de treinos de Gadelha, José Aldo. O evento principal da noite será a revanche entre o brasileiro Gabriel Napão e Mirko Cro Cop, no duelo que marca o retorno do croata à organização.

Leia também:  Alto Araguaia será representada por quatro tenistas na Copa das Federações em MG
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.