O calor desse ano está sendo bem forte, e precisamos de alguns cuidados para realizar exercícios físicos. Os cuidados devem ser observados também em atividades de lazer, mas em exercícios físicos programados deve ser maior ainda.

Nosso corpo funciona em 36°C, quando fazemos atividades físicas a temperatura corporal sobe para 38°C, temperatura muito parecida com um estado febril. Essa situação já provoca desidratação, e por isso suamos. Se o ambiente em que a pratica de atividade física for quente, maior será a elevação da temperatura interna corporal. Temperaturas muito elevadas podem levar à morte, com 41°C já corremos um enorme risco.

Algumas atitudes simples ao praticar exercícios são capazes de afastar os riscos e permitir que as pessoas façam atividades físicas de forma saudável no verão. São elas:

Leia também:  Saúde | Cross Fit ganha cada vez mais força no Brasil

1. Evitar realizar exercícios nos horários entre 10h e 17h;

2. Evite ambientes sem ventilação, afinal, eles fazem com que o espaço fique abafado, aumenta o calor e as chances de elevar a temperatura corporal;

3. Evite roupas quentes, use roupas leves e que facilitem a transpiração. Ao contrário do que alguns acreditam, vestir roupas quentes para suar mais, não irá contribuir para a perda de peso e ainda pode afetar a saúde;

4. Beba muita água! No mínimo 300 ml durante os exercícios aeróbios ou nos musculares e cerca de dois litros por dia;

5. Frutas possuem bastante líquido, o que ajuda muito na hidratação, além disso são ricas em nutrientes importantes para a saúde. Então, pode investir nelas;

Leia também:  Saúde | Os traumas de infância interferem no adulto que você é hoje

6. Antes dos treinos coma algo leve, saiba quais os melhores alimentos antes dos treinos, aqui;

7. Use bonés, óculos e filtro solar para se proteger do sol;

8. Na musculação evite ambientes muito fechados, sem ventilação;

9. Observe sempre sua frequência cardíaca em exercícios aeróbios e na musculação. Quando a frequência se eleva muito é sinal que há algo errado;

10. Não corra na hora do almoço em dias muitos quentes;

11. Para indivíduos hipertensos, a regra é mensurar a pressão arterial antes e após os exercícios em dias de muito calor, de forma que se a pressão estiver alta os exercícios não deveram ser realizados;

Leia também:  Os tratamentos que os seguros terão de oferecer em 2018

12. Caso você sinta algum mal estar como câimbras, náuseas, tontura, vômito e batimentos cardíacos mais acelerados que o normal, pare os exercícios;

13. Em indivíduos hipertensos e com alguma patologia cardíaca as orientações do médico que o acompanha e de um Profissional de Educação Física são extremamente importantes.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.