O suposto autor de um homicídio ocorrido na quinta-feira (12.02) foi preso pela Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), em cumprimento de mandado de prisão temporária. A prisão do suspeito,  Randineli da Silva Lima, 31,  ocorreu no sábado (21) e nesta segunda-feira (23), os policiais cumpriram busca e apreensão na casa dele, no bairro Santa Helena, em Cuiabá.

O preso é acusado de assassinar com três tiros Vitor Hugo da Cruz Freitas, 21 anos,  na Rua Francisco Siqueira, bairro Bandeirantes, nas proximidades do Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, por motivos ainda em investigação pela delegada Luciani Barros, que passou a integrar o quadro de delegados da DHPP.

Leia também:  Duas famílias são feitas reféns na zona rural de Rondonópolis

A delegada titular Anaide Barros informou que tanto a motivação quanto a participação ainda será esclarecida, pois vítima e suspeito eram comparsas na prática de delitos e podem ter participado de algum assalto mal sucedido. “Essa é uma prisão de investigação e teremos 30 dias para esclarecer as circunstâncias do crime e finalizar o inquérito”, disse.

Segundo as investigações, antes de morrer a vítima teria sido ameaçada de morte pelo preso.

O suspeito está na DHPP e será encaminhado para uma unidade prisional de Cuiabá.

A prisão faz parte da operação “Sicários” da Polícia Judiciária Civil, que integra a macro operação “Impacto”, deflagrada pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), para os 100 primeiros dias de combate a criminalidade do ano de 2015.

Leia também:  Operação Convescote | Gaeco oferece denúncia contra 22 pessoas
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.