Cadeirante, Tiago acompanhado de uma caixa de som e faixas, pede melhorias na saúde - Foto: Messias Filho / AGORA MT
Cadeirante, Tiago acompanhado de uma caixa de som e faixas, pede melhorias na saúde – Foto: Messias Filho / AGORA MT

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Rondonópolis, localizada próximo ao Ponto Atendimento, foi alvo de protesto na noite desta sexta-feira (13). Centenas de velas foram acesas ao redor da obra, onde de acordo com os manifestantes, cada uma representava uma vida que podia ter sido salva, caso a unidade de saúde estivesse em pleno funcionamento.

Segundo Tiago Diego Lacerda, um dos protestantes, a construção era para ser entregue desde 2012,

Velas representam vidas que poderiam ter sido salvas - Foto: Messias Filho / AGORA MT
Velas representam vidas que poderiam ter sido salvas – Foto: Messias Filho / AGORA MT

contudo, até agora a inauguração sempre é adiada.

“Esse é um grito de alerta a sociedade, um pedido de socorro para o Poder Público, precisamos melhorar a saúde em nossa cidade”, diz.

O manifesto que foi singelo mas com cunho importante e válido, terminou logo depois que um servidor da Secretaria Municipal de Saúde jogou água nas velas à mando de ‘superiores’, conforme Tiago informou.

Leia também:  Esquadrilha da fumaça surpreende público com show aéreo em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.