Às vésperas da abertura da temporada 2015 do Mundial de Fórmula 1, a Ferrari esbanja otimismo para o GP da Austrália, no próximo domingo. Chefe da escuderia italiana, Maurizio Arrivabene ressaltou sua confiança na dupla formada pelo alemão Sebastian Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen. Antes de os motores roncarem em Melbourne, o dirigente elogiou seus pilotos.

– Temos uma combinação perfeita. Eles têm personalidades diferentes. Kimi é o tipo de pessoa que não gosta de falar sobre coisas estúpidas, ele gosta de falar sério. Ele é um ótimo cara e ótimo piloto. Seb é diferente, superprofissional. Ele me lembra de outro piloto alemão (o heptacampeão Michael Schumacher). Fiquei impressionado com a concentração dele e como ele trabalha com os detalhes do carro. Ele toma notas e fala sobre elas nas reuniões. É ótimo – disse Arrivabene, em entrevista ao Autosport, site especializado em esportes a motor.

Leia também:  Projeto Mais Esporte, Mais Cidadania é lançado oficialmente em Rondonópolis

Em sua segunda passagem pela Ferrari, Kimi foi campeão pela equipe italiana em 2007, seu único título da Fórmula 1. Vettel, por outro lado, vai estrear pela escuderia, substituindo o espanhol Fernando Alonso. Tetracampeão da categoria pela RBR, o alemão busca com a Ferrari retomar o domínio da Fórmula 1 que escapou das suas mãos na última temporada, vencida pelo britânico Lewis Hamilton.

– Temos dois pilotos diferentes, mas ambos são muito comprometidos. Sebastian está totalmente integrado à equipe, ele é 120% parte da família. Também é um cara divertido. Depois de Michael (Schumacher), Kimi foi o único campeão pela Ferrari – destaca Arrivabene.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.