Apesar das repetidas vezes que o assunto foi alertado, Guiratinga sofre nova ameaça de ter a linha de ônibus que faz a ligação com Rondonópolis, em sua principal via de ligação, suspensa pela empresa de ônibus Expresso Rubi.

Desde a última terça feira (3), a referida empresa passou a operar apenas uma linha diária entre as duas cidades, Guiratinga e Rondonópolis. A saída de Guiratinga para Rondonópolis acontece às 6 horas da manhã. A saída de Rondonópolis para Guiratinga, horário de retorno, acontece sempre às 18 horas. Os demais horários, das 9 e das 15 horas, foram simplesmente cortados.

A Rubi ainda resolveu baixar o preço da passagem para 15 reais e promete manter esses horários nos próximos 30 dias. Caso os ônibus continuem andando vazios, a promessa é suprimir definitivamente os dois horários e suspender o atendimento na referida linha de ônibus que já teve, em outras épocas, mais de dez horários diários.

Leia também:  Saúde foca em realização de novo concurso

A Empresa Rubi alega que a atual situação se deve a falta de fiscalização da AGER, acusando que atualmente existem mais de 30 veículos particulares fazendo o transporte de passageiros entre Guiratinga e Rondonópolis. “Eles estão tão tranquilos que chegam a parar os veículos nos pontos da Rubi nos horários da empresa para buscar os passageiros, numa afronta sem limites à legislação sobre a questão”, disse uma fonte da Empresa.

A AGER foi acionada pela Prefeitura Municipal já por duas oportunidades, mas, a empresa de controle não tem se sensibilizado com o problema que pode trazer sérios prejuízos para outras clientelas, como passageiros em transito, aposentados e usuários que estão no curso da linha, que ficam impossibilitados de ter a quem recorrer já que os particulares não possuem horários regulares que lhes garantam o transporte na hora que necessitam.

Leia também:  Bombeiros se alegram por não ter registro de afogamento em festival de praia em MT

Nesta quinta feira (5) a Prefeitura Municipal volta a acionar a AGER e cobra providências urgentes para coibir o transporte irregular, para que a cidade não sofre prejuízos.

Mesmo com o problema Empresa Rubi vem continuando a trafegar com velhos ônibus e sem condições ideais, o que é uma antiga reclamação dos usuários da linha.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.