Depois de um bom começo de temporada, com o 4º lugar no GP da Austrália, Felipe Massa tem boas perspectivas para o GP da Malásia deste fim de semana, válido pela 2ª etapa do campeonato. Para o brasileiro, as longas retas do desafiador Circuito Internacional de Sepang se encaixam bem com as características do FW36, o carro da Williams para 2015. No entanto, assim como em Melbourne, sua maior preocupação é a Ferrari. Massa alerta que, nesse ano, os carros vermelhos estão com motores mais potentes e podem também explorar as velozes retas do traçado malaio:

– A expectativa é de fazer um bom trabalho. É uma boa pista para a gente. É uma pista que tem boas retas. Mas vimos que não só o nosso carro, mas a Ferrari também está bem nas retas. No ano passado, em termos de velocidade máxima, estávamos uns 10, 15 km/h mais rápidos que a Ferrari. Agora eles estão iguais ou até melhores que a gente – ressaltou.

Leia também:  União estreia neste domingo no Brasileirão série D

No circuito australiano de Albert Park, em termos de velocidade máxima, Massa e seu companheiro Valtteri Bottas atingiram os números mais altos no treino classificatório. O finlandês chegou a 329 km/h, enquanto o brasileiro atingiu 327,6 km/h, ficando empatado com Vettel. Na corrida, o sueco Marcus Ericsson, da Sauber – de motores Ferrari – alcançou a velocidade mais rápida: 309,3 km/h, seguido por Massa (306,9) e Vettel (306,4).

Com as Flechas de Prata mais uma vez em uma “categoria à parte” e a RBR de Daniel Ricciardo abaixo das expectativas, Massa não titubeia em apontar o time italiano como a principal rival da Williams na temporada. Em 2014, a esquadra inglesa teve a escuderia de Maranello como grande concorrente no começo do ano, chegando até a ficar atrás na classificação. Mas graças ao desenvolvimento do carro e à reação do próprio Felipe, a equipe abriu após as férias e terminou o ano em terceiro, com 320 pontos contra 216 da rival. Em 2015, porém, a briga promete ser muito mais acirrada.

Leia também:  Técnico do União lamenta: “Dava para ir mais longe”

– Não estou surpreso com o ritmo deles. Já tinha visto nos testes. Sabemos que eles estão melhores do que no ano passado, mais competitivos. O campeonato não será fácil, estamos na briga. Há algumas áreas que podemos melhorar um pouquinho para a próxima corrida e saber que a cada corrida, meio décimo, um décimo pode fazer a diferença nessa briga com a Ferrari.

E Melbourne foi palco do primeiro duelo do ano entre Williams e Ferrari. Massa brigou pelo pódio com Sebastian Vettel, enquanto Lewis Hamilton e Nico Rosberg dispararam na frente com as Mercedes. O brasileiro largou à frente do alemão e mantinha uma confortável vantagem, mas a Williams acabou o chamando na hora errada para os boxes, e o brasileiro perdeu tempo no tráfego ao voltar para a pista, perdendo a posição para o tetracampeão, que terminou a corrida em terceiro.

Leia também:  Diretoria do União deve apresentar equipe dia 14

Mas agora é a vez do GP da Malásia, válido pela 2ª etapa da temporada. A corrida no circuito de Sepang está marcada para o próximo domingo, dia 29 de março, a partir das 4h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo da TV Globo. Os treinos livres começam a partir de quinta-feira, 23h, com exibição do SporTV.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.