O Órgão de Defesa do Consumidor em Rondonópolis, o Procon, realizará nos próximos dias, uma série de eventos relacionados ao Dia Mundial do Consumidor, comemorado no próximo dia 15. Entre os trabalhos a serem realizados estão, fiscalizações, criação de associação, apresentação da ferramenta Consumidor.gov, reuniões com promotores de shows e recebimento reclamações e orientações. O calendário se estende desde o dia 15 até o dia 24 de março.

De acordo com o coordenador do Procon, Juca Lemos, um dos focos da semana é a criação da Associação de Mulheres Consumidoras, que tem a finalidade de atuar na defesa dos direitos dos consumidores.

“É uma ideia que há um bom tempo já é discutida. Se aplicado se tornará uma ferramenta a mais na defesa do consumidor”, concluiu.

Leia também:  Força Tática recebe Moção de Aplauso em comemoração aos 10 anos do grupamento

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:

Dia 15 (domingo) – Haverá fiscalização em bares, restaurantes, boates e casa de Shows para averiguação do cumprimento da meia entrada, lei antifumo, exposição de preços, cardápio, couvert artístico, cobrança 10% serviço, fixação do telefone do Procon e do código de defesa do consumidor, entre outros.

Dia 16 (segunda-feira) – Divulgação lista cadastro municipal das empresas mais reclamadas.

Dia 17 (terça-feira) – Discussão da criação da Associação de Mulheres Consumidoras.

Dia 18 (quarta-feira) – Apresentação do site consumidor.gov. Nova plataforma o consumidor nacional fazer a reclamação via internet.

Dia 19 (quinta-feira) – Reunião com promotores de e entidades estudantis, bem como beneficiários meia entrada para discutir assuntos relacionados a festas.

Leia também:  Governo emite nota sobre repasses a Santa Casa

Dia 20 (sexta-feira) – Recebimento de reclamações e orientações na Praça Brasil.

Dia 24 (terça-feira) – Audiência Pública proposta Poder Legislativo com tema: Orientações sobre infrações cometidas nas empresas de varejo com precificação de venda casada e não entrega do produto, troca/devolução de itens com vícios entre outros.

Também será apresentado a proposta de um Termo de Ajustamento de Conduta elaborado pelo Procon e apresentação das infrações cometidas pelas agências bancárias ou entidades financeiras com referência ao excesso de tempo de espera nas filas de atendimento e a prática da venda casada.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.