Os técnico-administrativos da UFMT confirmaram sua participação na paralisação nacional da categoria nesta terça-feira (03.03). Um ato foi marcado para às 07h30 na guarita 2, entrada da Universidade via bairro Boa Esperança. A mobilização tem como objetivo pressionar o Governo Federal para que reabra a negociação junto aos trabalhadores.

“A nossa Federação (Fasubra) orientou a todos os trabalhadores das universidades federais a participarem do Dia Nacional de Luta. Pontuamos esta posição em assembleia geral e os técnico-administrativos da UFMT aderiram ao movimento, vendo o mesmo como necessário para que a educação tenha o devido reconhecimento por parte do Governo”, destacou a coordenadora geral do Sintuf, Leia de Souza Oliveira.

O ato foi aprovado durante a assembleia geral da categoria realizada nesta segunda-feira (02.03). Os trabalhadores deverão distribuir panfletos para explicar o ato para toda a comunidade acadêmica e sociedade em geral.

Leia também:  Dia das Crianças movimenta comércio em Rondonópolis
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.