O presidente do Clube Esportivo Operário Várzea-grandense, Geovanni Banegas, não lamentou a derrota para o Cuiabá, por 2 a 0, que deixou o time pressionado na tabela do Campeonato Mato-Grossense. Para ele, os atletas estão sendo guerreiros tendo em vista as dificuldades enfrentadas no dia a dia. Elogiando a atuação, mesmo com o revés, o mandatário segue confiante com a vaga na semifinal.

– O Cuiabá só marcou o jogo inteiro, fizeram duas linhas de quatro, mas souberam aproveitar as chances. Tem méritos. Nosso time está atuando no sacrifício. Temos jogadores atuando com muitas dores e isso atrapalha. Sem contar os lesionados. Nosso grupo é pequeno, o local de treinamento não é bom. Tudo isso atrapalha. Mas ainda só depende da gente. Temos mais um jogo e basta vencer para não depender de ninguém – disse.

Leia também:  Diretoria do União deve apresentar equipe dia 14

Banegas afirmou que a “grande vontade de ganhar e marcar logo os gols têm atrapalhado”.

– Eles estão ansiosos, correm, se esforçam e querem definir logo. É preciso mais tranquilidade, tocar melhor a bola, trabalhar ela. Precisa de mais confiança para concluir as jogadas. Tanto que quando erram eles ficam revoltados, discutem. Sabemos das nossas limitações, mas também conhecemos bem as qualidades.

Jogadores como os volantes Jamba e Jean tem atuado com dores, assim como o atacante Pablo, de acordo com ele. No departamento médico, os laterais Jeanzinho e Geovani estão em tratamento de lesões.

Para se classificar à semifinal sem depender de outros resultados, o Operário de VG precisa vencer o Dom Bosco, no dia 19 de abril, na Arena Pantanal, pela última rodada da segunda fase. Antes disso, porém, o Tricolor da Fronteira encara o Avaí, terça-feira, na Ressacada em Florianópolis, pelo jogo da volta da Copa do Brasil. Na ida, os times ficaram no empate sem gols.

Leia também:  Jogador Edilson "capetinha" é preso por falta de pagamento de pensão
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.