Esqueça Anderson Silva, Jon Jones, Georges St-Pierre e José Aldo. Para Dana White, presidente do UFC, a melhor atleta com quem já trabalhou é Ronda Rousey, campeã da categoria peso-galo feminina. Em entrevista à rádio “AM 570 Sports”, nesta terça, Dana rasgou elogios à lutadora, que subirá ao octógono no dia 1º de agosto para defender o cinturão contra a brasileira Bethe Correia, no Rio de Janeiro.

– Ela é tão trabalhadora, tão focada, tão incrível. Não poderia dizer coisas boas o suficiente sobre ela. É uma das únicas que consegue fazer bem tudo a que se propõe. É a número um entre os atletas com quem eu já trabalhei – falou.

Leia também:  Eurico Miranda é afastado da presidência do Vasco por ser acusado de apoiar vandalismo de torcida

Dana ressaltou a versatilidade da americana, que, além de lutadora do UFC, está engrenando na carreira de atriz e, no mês passado, fez ponta no evento de telecatch Wrestlemania. O presidente também comentou sobre a aura de invencibilidade que cerca a campeã. Para ele, a lista de possíveis adversárias é longa, mas a questão é “quem conseguiria vencê-la”. Um dos duelos que mais geram expectativa é contra a brasileira Cris Cyborg, mas, segundo White, apenas uma condição impede que as duas se enfrentem.

– A luta teria que ser na categoria peso-galo e, para isso, Cyborg tem que provar que consegue cortar peso para 61kg. Se fizer isso, o confronto acontece – concluiu.

Leia também:  Jogador revelado pelo REC marca contra o Flamengo

Campeã dos penas do Invicta FC, Cyborg foi contratada pelo Ultimate. Entretanto, a curitibana vai precisar fazer uma luta como peso-galo antes de se transferir para o UFC para mostrar que tem condições físicas de atuar nesta categoria.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.