Familiares cobram por justiça e aguardam julgamento - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Familiares cobram por justiça e aguardam julgamento – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Familiares e amigos da jovem Rosana Sebastiana de Oliveira, 24 anos, assassinada covardemente a facadas no dia 16 de outubro de 2013, dentro de uma empresa localizada na avenida Bandeirantes amanheceram nesta segunda-feira (27) em manifesto pedindo justiça pelo assassinato da vítima. Representantes do Conselho da Mulher também estiveram presentes no ato que aconteceu em frente ao Tribunal do Júri em Rondonópolis.

O principal suspeito do crime é o empresário Luiz Carlos da Costa, 48 anos, que na época era o namorado de Rosana. O julgamento do suspeito está acontecendo nesta segunda-feira (27) e deve encerrar no fim da tarde. Na época o próprio suspeito avisou à polícia.

Leia também:  Após ser agredida, mulher é acusada de esfaquear e matar namorado
Cartazes com a foto do filho da vítima  - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Cartazes com a foto do filho da vítima – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

Os familiares usaram cartazes com a foto da vítima e do filho de Rosana em forma de expressar a revolta.

Na época, Luiz Carlos afirmou que ele e a namorada se desentenderam e começaram uma luta corporal, foi quando o mesmo pegou a arma e a esfaqueou.

Após o crime Luiz Carlos ligou para a polícia, avisou que havia matado a namorada e que ela estaria dentro da empresa. Ele afirmou ainda que a porta estava trancada e que ele havia deixado a chave no buraco do ar- condicionado e que depois iria se entregar.

A polícia chegou ao local, viu sinais de sangue e entrou na casa. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado, mas a vítima já estava morta.

Leia também:  Cai em 28% o número de roubos de aparelho celular em MT
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.