A presidente Dilma Rousseff (PT) foi o alvo de críticas por parte do deputado federal Nilson Leitão (PSDB) por conta do veto à liberação dos recursos do Fundo de Apoio à Exportação (FEX) aos estados e municípios produtores.

Segundo o parlamentar, o veto presidencial é um calote do governo federal que estaria praticando apropriação indébita dos recursos arrecadados pelos estados.

Os repasses atrasados do FEX, referentes aos últimos meses do ano passado, em Mato Grosso, chegam a somatória de R$ 400 milhões.

“É um absurdo esse posicionamento. É um calote da presidente Dilma, que está querendo não governar mas reinar com miséria, empobrecendo estados e municípios. Quando ela veta algo que é obrigatório, está praticando apropriação indébita. Os recursos não são do governo federal, são dos estados e dos municípios”, disse Leitão.

Leia também:  Carlos Brito assume Casa Civil

Leitão lembrou que apresentou uma proposta de emenda constitucional (PEC), tornando obrigatório o repasse e amplia o Fundo, de R$ 3,6 bilhões para R$ 19 bilhões. “Quanto mais ela empobrece os estados e municípios, piora para a União”, alegou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.