O jovem, Jonathan Alves da Silva, 28 anos, foi preso pela Polícia Judiciária Civil (PJC) na noite da última sexta-feira (10), em uma residência no bairro CPA III, em Cuiabá. De acordo com a polícia, Jonathan é considerado de alta periculosidade e estava com mandado de prisão preventiva decretada pelos crimes de roubo e associação criminosa.

Conforme apuração da polícia, o jovem mais dois suspeitos teriam praticado um roubo no dia 10 de fevereiro, a uma loja de moveis e eletrodomésticos, em Barra do Bugres. Na ocasião, o trio rendeu todos os funcionários e clientes do estabelecimento e roubaram diversos aparelhos de celulares, tabletes e notebooks.

Após o crime, os policiais civis do município iniciaram as investigações para elucidar o caso, sendo constatado que Jonathan era o organizador e coordenador de toda a ação criminosa. Com as provas, o mandado de prisão foi deferido pela juíza de direito da comarca local.

Leia também:  Mais três fugitivos são presos e sobe para 10 o número de recapturados em Rondonópolis

De acordo com o delegado João Paulo Praisner, após ser localizado e preso, Jonathan confessou o roubo e ainda relatou ter cometido vários roubos na semana anterior, em Cuiabá, agindo sempre no horário do almoço.

A prisão foi possível devido a ação da Delegacia de Barra do e o apoio dos policiais civis da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO). Em seguida ele foi apresentado a Gerência de Polinter, para andamento do trâmite processual.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.