A McLaren-Honda se tornou uma aliança mítica da Fórmula 1, ao dominar a categoria no final dos anos 80 e início dos 90, sob a liderança de Ayrton Senna e Alain Prost. Hoje, a realidade da parceria, retomada no início desta temporada, é completamente diferente. Ainda sem marcar pontos, o time de Jenson Button e Fernando Alonso parece buscar inspiração nas glórias do passado para seguir em frente.

Em uma gravação promocional no Circuito da Catalunha, em Barcelona, o piloto espanhol teve a chance de pilotar o carro campeão de Senna em 1988. Questionado sobre a experiência, Alonso disse que gostaria de ter sido piloto naquela época.

– Provavelmente sim. Os carros eram mais agressivos, com pneus maiores, motores mais potentes e poucas limitações criativas para os designers. Agora, tudo é muito mais rigoroso. Não há testes, apenas simulações, então provavelmente havia mais tempo para apreciar isso antes. Mas também havia a questão da segurança, então é difícil escolher apenas uma época. O mais importante é o espírito de competição – afirmou o bicampeão mundial.

Leia também:  Federação divulga novas datas para início do Mato-grossense

Na gravação da McLaren-Honda, Alonso pôde dar cerca de oito voltas com o MP4/4, modelo que foi completamente dominante em 1988 e venceu 15 das 16 etapas daquele ano – oito com Senna e sete com Prost. Ao fim da experiência, o piloto fez uma comparação do mítico carro com os modelos atuais e se mostrou empolgado com a chance de pilotar um dos monopostos mais vitoriosos da história da F-1.

– Foi um dia emocionante. O carro é lendário, o mais dominante na Fórmula 1. Mesmo que não tenha chegado ao limite do carro, é algo que não irei esquecer, foi uma experiência maravilhosa. É claro que há muitas coisas complexas nos carros atuais, por causa da tecnologia, em comparação com os carros antigos. É tudo manual, como o câmbio, e há três pedais. Eu acho que é como comparar um computador dos anos 80 com um de agora. É uma grande mudança – analisou o espanhol.

Leia também:  Fase eliminatória do mato-grossense sub-15 e 17 começa amanhã

Durante a gravação promocional, Alonso foi acompanhado na pista pelo companheiro Jenson Button, que pilotou o atual MP4/30, carro desta temporada.

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.