O prefeito de Alto Taquari, Maurício Joel de Sá (DEM) foi até um canal de televisão local e anunciou ontem (6) que irá fechar o Hospital Municipal que atualmente é gerenciado pela Fundação Municipal de Saúde, a FUNSAT. Isso porque a população resolveu denunciar a má qualidade do atendimento e serviços prestados pelo setor da Saúde no município (Saiba mais).

Ao invés de resolver o problema, o prefeito preferiu ‘amedrontar’ a população dizendo que irá fechar as portas do Hospital. Conforme a declaração de Maurício de Sá, já que a população está insatisfeita o melhor é a Prefeitura parar de fazer o repasse ao Hospital e assim encerrar as atividades do local no prazo de 30 dias e mandar todos os funcionários embora.

Leia também:  Sachetti está provando do próprio veneno

“No 1º momento não vamos fazer o repasse para a Fundação, o que vai ficar inviável manter o atendimento, se alguém quiser ‘bancar’ o funcionamento fique à vontade, porque assim não perderíamos o hospital. Para mim a gestão de lá está sendo muito bem feita, não temos reclamações do presidente, mas é a população que manda. Se acham que a Saúde está um caos, não me resta outra providência a não ser estancar o furo”, disse o prefeito.

O que vale ressaltar é que o valor repassado a Fundação vem de impostos pagos pela população que tem todo o direito de exigir qualidade no serviço, independentemente se a obrigação é do Estado ou do Município.

A reportagem do AGORA MT tentou contato com o prefeito Maurício, mas ele não atendeu e nem retornou as ligações.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.