A curva Ste. Devote foi um dos pontos mais agitados do circuito de rua de Monte Carlo neste domingo (24). O local da batida do holandês Max Verstappen durante o GP de Mônaco de F-1 também já havia presenciado, algumas horas antes, outro impressionante acidente, desta vez envolvendo o brasileiro Bruno Bonifácio, que foi tocado pelo holandês Meindert van Buuren durante corrida válida pela Fórmula Renault 3.5. Apesar de a colisão ter sido forte, o paulista de 20 anos, da Draco Racing, recebeu atendimentos médicos na pista e, em uma maca, foi encaminhado para o hospital. Os exames comprovaram que ele não se feriu gravemente. Buuren, da Lotus, saio ileso da batida.

Leia também:  Luve perde e está de volta à Zona da Degola

– Foi um impacto muito forte, não tive o que fazer, mas não me machuquei. Estou com dores nas costas, mas vou fazer fisioterapia e outros tratamentos nessa semana para estar pronto para a etapa em Spa-Francorchamps. É um pena, pois tinha feito uma ótima largada, já estava em 6º, e tínhamos carro para terminar bem nos pontos, mas agora o foco é na próxima etapa, onde temos grandes chances de um bom resultado – comentou.

Disputando sua primeira temporada na Fórmula Renault 3.5 e estreando nas ruas de Monte Carlo, Bonifácio vinha fazendo uma boa corrida, uma vez que havia largado em 13º e já estava na 6ª colocação quando sofreu o acidente. Após o choque, a prova foi parada com a bandeira vermelha para reparação nos muros de contenção.

Leia também:  Paranatinga | Atleta de Jiu Jitsu conquista duas medalhas de ouro em campeonato internacional

O pole posiiton Jazeman Jaafar, que corre pela Fortec Motorsports, venceu a prova de ponta a ponta. A próxima etapa da categoria será na próxima semana, no tradicional circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, nos dias 29 e 31 de maio.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.