Os mais de 500 trabalhadores da Empresa Santana Textiles de Rondonópolis, que receberam hoje (11), aviso prévio de demissão, pode gerar um pequeno impacto na economia local conforme explica o economista Fabrício Lenze.

De acordo com o profissional, são 500 pessoas diretas que perderam o emprego, contudo, são 500 famílias, ou seja, pelo menos 1,5 mil pessoas sem renda.

“São pessoas que deixarão de consumir, pagar contas ou até mesmo realizar novos investimentos no comércio local. E o erário público também deixa de receber impostos que podem ser revertidos em investimentos para a população”, afirmou o economista.

PREFEITO

O prefeito Percival Muniz (PPS) comentou o assunto. Ele que junto com outros políticos, foi o principal responsável pela vinda da indústria, onde ainda em 2013 (três anos antes da inauguração), assinou junto com a diretoria da empresa, um protocolo de intenção para instalação de unidade no município.

Leia também:  Casario tem espetáculo de teatro neste domingo (16)

“O país vive uma crise econômica que também atinge Rondonópolis. Mas isso é o mercado, enquanto uma fecha, outras abrem que é o que acontece no município para nossa sorte”, comentou Percival.

SANTANA TEXTILES

A unidade da Santana Textiles é considerada uma das maiores empregadoras privadas da cidade. Ela foi inaugurada em Rondonópolis em 2006, sendo uma das mais modernas do setor no Brasil. A partir de 2010, a empresa iniciou uma grande ampliação no parque fabril no município, com ampliação da capacidade de produção.

Em 2013, a empresa passou por recuperação judicial passando por impactos, como redução no número de contratados e da produção.

As informações apontam que há três meses a empresa está parada por falta de material, mas que os funcionários estavam recebendo os salários em dia.

Leia também:  Comércio entra em clima junino em Rondonópolis e empresário prevê crescimento de até 20% nas vendas  | TV Agora

A reportagem do Site AGORA MT, não conseguiu contato com a assessoria de imprensa da Santana Textiles.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.