Um levantamento realizado pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) apontou uma estimativa animadora na safra do milho 14/15. O estudo apresenta um aumento na safra.

Conforme os economistas do Instituto, apesar do atraso na semeadura do milho na “janela ideal”, a chuva e o bom controle de pragas vêm colaborando para o desenvolvimento do cereal, afetando assim diretamente na expectativa de produtividade da planta, que viu seu número saltar de 85,97 sc/ha na última estimativa para 100,02 sc/ha na atual.

Com isso, mesmo que a área semeada não tenha sofrido alteração em relação ao último indicativo, a produção aumentou 16,40% em reflexo à nova projeção da produtividade, que agora é esperada em 17,80 milhões de toneladas para a próxima safra.  Em relação à safra 13/14, atenta-se para o fato de a produção ser 0,45% maior na safra 14/15, apesar da expectativa de que a área seja 7,96% menor para a próxima temporada.

Leia também:  Preços do varejo para o Natal devem cair pela 1ª vez desde 2009

Os dados concluem que ainda que exista um cenário animador para a produtividade da cultura, surpresas negativas quanto aos preços podem aparecer.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.