A Sauber está produzindo um documentário sobre brasileiro Felipe Nasr. Para tanto, fez com que o piloto, nascido em Brasília há 22 anos, tivesse a companhia de uma equipe de filmagem nos últimos três meses. Após a edição do vídeo, a escuderia deve fazer ampla divulgação do material na internet.

E a história deve ser contada desde o começo. “Os caras estão me acompanhando desde a minha primeira visita na Sauber”, contou em entrevista, após visitar o ministro do Esporte, George Hilton, em Brasília, na semana passada.

Nasr acertou com a equipe em novembro do ano passado, mas as filmagens começaram para valer em fevereiro, durante as semanas de testes no sul da Espanha. Desde então, eles filmaram todos os passos do brasiliense vestindo o macacão da Sauber. “Tudo mesmo, primeiros dias nas reuniões com a equipe, a fase de treinamento, as corridas.”

Leia também:  2ª Noitada de Boxe Olímpico acontece em Rondonópolis

A Sauber tem um perfil bastante ativo no YouTube. Semanalmente, divulga vídeos de seus pilotos, mostrando os bastidores da equipe, respondendo a perguntas de fãs e imagens dos carros nas pistas. O Banco do Brasil. que patrocina o brasiliense, investiu para que algumas das postagens fossem feitas em português.

Por causa dos compromissos com a escuderia, Nasr nota que sua rotina está mais atribulada do que nunca. “Estou muito mais ocupado desde que comecei na Sauber. Com muito mais trabalho dentro e fora da pista”, disse.

No domingo, 3 ele embarcou para Barcelona, onde disputará uma corrida de F1 pela quinta vez na vida, no próximo final de semana. Antes, porém, pôde desfrutar de dez dias de “folga” em Brasília, com a família.

Leia também:  Ronaldo é ovacionado pela torcida do Real ao participar de jogo de lendas

“Tenho compromissos aqui [em Brasília] a cumprir com a Sauber. A equipe do documentário veio terminar a produção do documentário. Foram cinco dias comigo aqui. O foco agora era mais os aspectos pessoais, fomos também no kartódromo. Agora, acabaram-se as filmagens. Vamos aguardar um mês ou dois para ver como ficou o documentário”, disse Nasr.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.