A Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (Setrat), já solicitou para que a empresa Talentech Tecnologia, responsável pela implantação e manutenção dos radares em Rondonópolis, termine de colocar o restante dos equipamentos firmados em contrato. No total serão 15 radares, 13 avanços semafóricos, 12 lombadas e outros equipamentos. O custo total está orçado em 24 milhões, que pode ser aditivado.

Secretário Municipal de Trânsito e Transportes, Argemiro Ferreira - Foto: Varlei Cordova / AGORA MT
Secretário Municipal de Trânsito e Transportes, Argemiro Ferreira – Foto: Varlei Cordova / AGORA MT

O responsável pela pasta, Argemiro Ferreira, atribui a redução no número de acidentes, como resultado positivo pós implantação do sistema.

“O que nos deixa satisfeito é saber que houve uma diminuição de mais de 50% no número de acidentes. Índice que também reflete na queda de atendimentos no Pronto Atendimento Municipal”, argumenta o secretário.

Leia também:  Moradores são despejados em reintegração de posse no bairro Rui Barbosa

Sobre os pontos que podem ser contemplados com os pardais, o secretário informou que já foram amplamente estudados, contudo, novos locais entraram em pauta para avaliação. Entre eles a região Salmem e grande Vila Operária.

RADAR MÓVEL
Entre os equipamentos que fazem parte do contrato, estão os radares móveis, que segundo Argemiro, são de última tecnologia e já chegaram na Secretaria.

“Eles conseguem captar excessos de velocidade com até 1 quilômetro de distância, com imagens de alta qualidade”, vislumbrou. Porém, ainda de acordo com o secretário, não há prazo para que estes equipamentos comecem a ser usados no município.

REDUÇÃO DE NÚMEROS DE MULTAS
Há mais de seis meses em funcionamento, o número de notificações e multas emitidas pelo sistema vem caindo cerca de 10% mês a mês.

Leia também:  Clima em Rondonópolis deve chegar a 40º C no final de semana

“No início foi uma explosão, mas com o tempo as pessoas vão se acostumando, mudando a cultura. É claro que vai chegar em um ponto que vai estagnar, mas ficaremos contentes em ter mudado a cultura na cidade e claro diminuindo a violência no trânsito”, finalizou.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.