A Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), continua sem previsão para se instalar em Rondonópolis. Recentemente a pedido do vereador Thiago Silva (PMDB), o Ministério Público Estadual (MPE) interviu no assunto, onde foi feito uma visita no possível local de instalação VEJA AQUI, entretanto, ainda não há nenhuma negociação entre o Paço Municipal e a reitoria da Unemat.

De acordo com a assessoria de imprensa da Unemat, a instituição não tem nenhuma previsão de oferta de curso para o município e o diálogo entre o Executivo ainda não foi aberto.

Em 2014, a universidade chegou a abrir 150 vagas para Rondonópolis distribuídas nos cursos de Direito, Letras e Jornalismo, contudo, dois meses depois, a oferta foi cancelada e o dinheiro dos inscritos, devolvido.
Já a assessoria de imprensa da Prefeitura, afirma que a Administração não está na linha de frente das discussões, que segue na condição de expectadora aguardando a posição da direção da Unemat, bem como do Governo do Estado.

Leia também:  Preço da carne de 1ª reduz e consumidor pode comemorar em Rondonópolis

Um dos principais impasses entre as partes está vinculada ao custeio do curso. Ainda no ano passado, a Assembleia Legislativa (AL) aprovou de uma emenda constitucional que previa a aplicação de 2,10% da receita corrente líquida de Mato Grosso em 2014 para a Instituição, chegando a 2,5% em 2018, mas que em contra partida, a Unemat viesse para Rondonópolis. Apesar disso, a instituição já revelou que seu orçamento para 2015, na ordem de R$ 230 milhões, não comportava a abertura de novo campus no Estado, isto é, os recursos previstos segundo eles, serão suficientes apenas para atender as demandas reprimidas dos cursos e campus já existentes.

Conforme o vereador Thiago Silva (PMDB), com a intervenção do MPE, este cenário pode mudar, uma vez que o judiciário está elaborando um novo Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), para que o vestibular volte a ser lançado no município.

Leia também:  Gás tem reajuste de quase 13% e consumidor deve pagar R$ 95 em Rondonópolis

“Estamos otimistas, pois este é um momento favorável para o município. Em breve, tanto a Câmara, Prefeitura, alguns deputados estaduais e a diretoria da Unemat vão se reunir para ver se chegam em um consenso comum. Vamos continuar com a luta até que a universidade seja implantada aqui”, vislumbrou.

PROVA
Como a cidade é ponto base da realização do vestibular, neste domingo (17), haverá prova em Rondonópolis da Unemat, mas são para cursos de outras localidades. VEJA AQUI.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.