Os servidores do Detran do estado de Mato Grosso –MT irão paralisar as atividades nesta quinta-feira (21). Os trabalhadores reivindicam a recomposição de acordo com os índices do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), de 6,22%. A decisão foi tomada ontem (19) durante assembleia geral realizada estre os servidores.

O Governo do Estado propôs recompor apenas 3,11% das perdas inflacionárias, a partir de maio, o que causa revolta entre os funcionários. “O que está sendo imposto pelo Governo Estadual é uma afronta aos direitos dos servidores públicos e à obrigação constitucional e legal do Estado de cumprir com a reposição integral do INPC na data-base” pontua o Sindicato dos Servidores do Detran (Sinetran).

A paralisação geral ocorrerá tanto na sede, quanto em todas as Ciretrans do interior do Estado, conforme informa a assessoria do Sinetran em nota.

O expediente será retomado na sexta-feira (22). O Detran foi o 1ª órgão a se rebelar contra o reajuste proposto pelo Governo. Nesta semana, outras categorias se reunirão para avaliar a situação.

Nova Assembleia Geral da categoria deve ocorrer na próxima terça-feira (26/05).

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.