Foto: Thinkstock
Gripe e resfriado atacam mais no inverno – Foto: Thinkstock

O inverno chegou. Com o frio, acabamos ficando mais tempo em locais fechados e abrimos as portas para a gripe, resfriados e outras doenças típicas da estação.

Alergias que atacam o sistema respiratório também acabam se manifestando com maior frequência durante o inverno. Afinal, são nestes meses que recuperamos aquela manta há muito tempo guardada no armário, ou aquele agasalho esquecido no fundo da gaveta. Alguns cuidados básicos ajudam a prevenir estes probleminhas que tanto atrapalham nosso dia a dia.

Gripe é causada pelo vírus influenza e é contagiosa. Por isso, não tem jeito, uma das formas mais eficientes de evitá-la é fugir de locais abafados e aglomerados. Quando estiver no transporte público, procure manter as janelas abertas, mesmo em dias frios. A circulação de ar ajuda a minimizar a transmissão do vírus.

Tome a vacina contra gripe
A vacina é outra ótima opção. A dose torna o organismo imune aos tipos mais comuns do vírus influenza. O Sistema Único de Saúde organiza campanhas de vacinação, geralmente entre os meses de abril e junho, para os grupos mais sensíveis da sociedade. Clique aqui para saber se você tem direito a dose. Médicos particulares também oferecem a imunização, procure um profissional da saúde no ConsultaClick e tire todas as dúvidas.

Leia também:  As origens cerebrais da corrupção

Higiene também é prevenção
Lavar as mãos sempre que possível reduz muito as chances de contágio. Use água corrente e sabão, limpe as unhas e todos os cantinhos ao redor elas. Não se esqueça de lavar as mãos antes das refeições e após usar o banheiro.

O álcool em gel é prático e eficiente, mas não deve substituir a água e o sabonete. Ao espirra cubra o nariz e a boca com lenços descartáveis de papel. Se lembra daqueles lenços do vovô, feitos de pano? Evite-os sempre, eles não são nada higiênicos.

Foto: Internet
Foto: Internet

Resfriado e gripe não são a mesma coisa
Muita gente confunde, mas gripes e resfriados são doenças diferentes, embora os sintomas sejam parecidos. Diferente da gripe, que é causada pelo vírus influenza, o resfriado é provocado pelo rinovírus e não é tão grave quando a gripe. A infecção causada pelo influenza pode matar, ao contrário do rinovírus que costuma provocar apenas dor de garganta e coriza.

Leia também:  Saúde | Os benefícios do pilates na vida de quem pratica essa atividade

Alergias respiratórias são mais frequêntes no inverno
A baixa umidade do ar, o tempo seco e as oscilações de temperatura são um prato cheio para as alergias respiratórias, já que diminuem o sistema de defesa do organismo. Asma, bronquite, rinite e sinusite são as mais comuns. Elas atingem 30% da população, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Confira algumas dicas simples para evitar as crises
– Mantenha o organismo hidratado. É importante beber água mesmo em dias frios em que se sente menos sede.

– Evite ambientes com fumaça ou muita poeira.

– Procure não fumar.

– Tente respirar sempre pelo nariz, não pela boca. As narinas têm a função de filtrar e aquecer o ar antes de ele entrar no sistema respiratório.

Leia também:  Como café, cigarro e álcool interferem na sua fertilidade

– As bactérias se concentram em locais quentes, por isso mantenha sua casa arejada.

– Evite tapetes, carpetes, cortinas, bichos de pelúcia e tudo mais que tenha pelos.

– Não abra mão de uma boa alimentação também nos dias frios. Coma frutas, legumes e verduras.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.