Revólver, calibre 38, localizada no veículo - Foto: Messias Filho / AGORA MT
Revólver, calibre 38, localizada no veículo – Foto: Messias Filho / AGORA MT

Quatro jovens foram detidos na noite desta sexta-feira (26), na Vila Operária, em Rondonópolis, suspeitos de roubo a um estabelecimento comercial localizado no bairro Coophalis. A prisão ocorreu depois da guarnição realizar rondas no intuito de localizar os autores da ação criminosa. Patrick Thalles Almeida Silva, 20 anos e Weder de Freitas Souza, 23 anos foram reconhecidos pela vítima como os dois suspeitos que entraram armados no bar e realizaram o roubo.

Segundo consta no Boletim de Ocorrência (BO), a Polícia Militar (PM), recebeu a informação que quatro pessoas chegaram no bar em um veículo Gol, cor branca e em uma motocicleta, cor preta, e em posse de duas armas de fogo. Dois dos suspeitos entraram no bar e anunciaram o roubo, levando mais de R$ 100. Durante o roubo, um dos suspeitos, ainda teria disparado contra uma pessoa no local, mas não atingiu ninguém.

Leia também:  Força Tática prende três traficantes negociando droga em via pública de Várzea Grande

Minutos depois ser acionada, a Polícia foi informada de uma tentativa de assalto no bairro Pindorama, onde os suspeitos possuíam as mesmas características das descritas no roubo.

Diante das informações, a guarnição iniciou rondas na tentativa de localizar os suspeitos, sendo visualizado na Vila Operária, um gol branco parado na esquina da rua Castelo Branco com a avenida Ponce de Arruda, onde dois ocupantes conversavam com os dois jovens que estavam em uma motocicleta, cor preta.

Desta forma, com as características compatíveis com as mencionadas pela vítima do roubo no bairro Coophalis, foi feita a abordagem e busca no veículo, sendo localizado no banco traseiro do carro, um revólver, calibre 38, com seis munições intactas.

Leia também:  Andarilho é espancado até desmaiar em praça de Sinop

Os suspeitos do roubo foram detidos e levados para a 1ª Delegacia de Polícia, onde Patrick e Weder foram reconhecidos pela vítima como os assaltantes.

A Polícia vai investigar se os outros dois suspeitos também participaram da ação criminosa.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.