Fernando Alonso tem frequentado as últimas posições do grid neste ano devido ao péssimo rendimento da McLaren, mas pelo menos tem algo a comemorar: com o contrato de três anos assinado ao final de 2014 com o time inglês, o espanhol é o piloto mais bem pago do atual grid da Fórmula 1.

A lista anual de salários foi publicada nesta semana pelo Business Book GP e Alonso aparece como o piloto que mais ganha no esporte a motor em todo mundo, com 35 milhões de euros, equivalente a mais de 120 milhões de reais.

Sebastian Vettel, que assumiu o posto que era de Alonso na Ferrari, ocupa o segundo lugar no ranking, ganhando 28 milhões de euros. O atual campeão, Lewis Hamilton, vem em terceiro, com 25 milhões de euros. A quantia foi firmada ainda ao final de 2013, quando o inglês trocou a McLaren pela Mercedes. A renovação do acordo, firmada neste ano, deve elevar consideravelmente este valor. Raikkonen e Rosberg, com 18 e 13,5 milhões de euros respectivamente, fecham o top 5.

Leia também:  Inscrições abertas para estadual de tênis em Cuiabá

Chamam a atenção os salários da dupla da Red Bull: vencedor de três provas ano passado, Daniel Ricciardo ganha ‘apenas’ 1,5 milhões de euros e seu companheiro, Daniil Kvyat, 750 mil euros.

Entre os brasileiros, Felipe Massa vem em sétimo, recebendo 4 milhões de euros por ano (cerca de 13 milhões de reais) na Williams, o dobro de seu companheiro, Valtteri Bottas. Já Sauber, Felipe Nasr, que faz sua estreia na Fórmula 1 nesta temporada, recebe 200 mil euros de acordo com a publicação.

Confira a lista (salários em euros):

1º Fernando Alonso 35 mi
2º Sebastian Vettel 28 mi
3º Lewis Hamilton 25 mi
4º Kimi Raikkonen 18 mi
5º Nico Rosberg 13.5 mi
6º Jenson Button 10 mi
7º Felipe Massa 4 mi
Nico Hulkenberg 4 mi
Sergio Perez 4 mi
Romain Grosjean 4 mi
Pastor Maldonado 4 mi
12º Valtteri Bottas 2 mi
13º Daniel Ricciardo 1.5 mi
14º Daniil Kvyat 750.000
15º Max Verstappen 250.000
Carlos Sainz 250.000
17º Felipe Nasr 200.000
Marcus Ericsson 200.000
19º Will Stevens 150.000
20º Roberto Merhi 50.000

Leia também:  Cuiabá e Luverdense empatam no 1° jogo da final do sub-17 e decisão acontece na quinta
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.