Assembléia eletiva da Pastoral da Criança 01.Foto:Messias Filho/AGORAMT
Assembleia eletiva da Pastoral da Criança 01.Foto:Messias Filho/AGORAMT

Uma assembleia eletiva da Pastoral da Criança acontece neste fim de semana em Rondonópolis – MT. O evento iniciou ontem (24) e segue até este domingo (26).

Durante assembleia, as coordenadoras paroquiais recebem uma capacitação comandada pela coordenadora Estadual da Pastoral da Criança, Lucia Schuster que ressalta a importância do papel e perfil que um coordenador paroquial deve manter no setor.

Rosimarie da Costa Telles.Foto:Messias Filho/AGORAMT
Rosimarie da Costa Telles.Foto:Messias Filho/AGORAMT

De acordo com a atual coordenadora diocesana da Pastoral da Criança, Rosimarie da Costa Telles, a Pastoral tem o papel de orientar e acompanhar as famílias vizinhas em ações básicas de saúde, educação, nutrição e cidadania tendo como objetivo o ‘desenvolvimento integral das crianças, promovendo, em função delas, também suas famílias e comunidades’.  Ela ainda ressalta que a eleição acontece a cada dois anos.  “O trabalho desenvolvido por um coordenador é importante para todas as paróquias, pois, o nosso papel é de motivar com novas formações todos os coordenadores” pontua Rosimarie.

Leia também:  Força Tática recebe Moção de Aplauso em comemoração aos 10 anos do grupamento

Ainda conforme Telles, todos os meses o coordenador realiza visitas nas casas das famílias para averiguar a situação em que se encontra a criança. “Atualmente o maior problema que um coordenador encontra nas crianças é a obesidade. Antes as crianças sofriam com falta de nutrição. Diante da situação nós medimos e pesamos as crianças em forma de tentar acompanhar a saúde deles” pontua a coordenadora.

A equipe de coordenação também realiza o trabalho com as gestantes.

 

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.