Um dos mais antigos e fieis militantes do Partido da República (PR) em Rondonópolis, Toninho Pinheiro, pode estar deixando a sigla.

Segundo uma fonte da Coluna Bastidores, Toninho Pinheiro, vai deixar o PR revoltado com os vereadores da sigla na cidade, que ainda não abriram espaço para que ele, em rodízio, possa assumir como vereador.

Toninho na última eleição, chegou a figurar como primeiro suplente do Senador Wellington Fagundes, mas depois abriu mão para que uma composição política pudesse ser melhor costurada.

A fonte da coluna ainda informou que o ex-deputado J. Barreto (PR), muito amigo de Toninho já teria até autorizado a sua migração para outro partido. Na ânsia de tentar a reeleição, muitos vereadores rondonopolitanos, independentemente de partido, estão dizendo não ao rodízio, já que vislumbram uma possível grande renovação na Câmara Municipal nas próximas eleições.

Leia também:  PP intensifica o discurso de oposição
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.