Droga e objetos que estavam com os suspeitos - Foto: assessoria /PJC
Droga e objetos que estavam com os suspeitos – Foto: assessoria /PJC

Dois brasileiros e um boliviano foram presos com sete quilos de pasta base de cocaína, nesta terça-feira (07), pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Judiciária Civil.

O flagrante ocorreu em Várzea Grande, depois que o boliviano Henry Fernández Montanõ, 35 anos, trouxe o entorpecente de Cáceres (579 km a Oeste) e entregou para Welton Ferreira de Barros, 26 anos, que se associou com empresário Arilson Oliveira Ambrosio, 41 anos, para o tráfico de drogas.

O delegado Juliano Carvalho informou que uma denúncia chegou à Delegacia sobre uma possível entrega de drogas para os traficantes de Várzea Grande. “O boliviano veio de ônibus com a droga em uma mochila, mas afirma que seriam apenas duas porções”, disse.

Leia também:  Após escalar prédio suspeito de furto é encontrado dormindo em apartamento no 7º andar

Ao apurar as informações, os policiais descobriram que os traficantes alugavam um galpão no bairro Parque do Lago, usado para esconder o entorpecente. No local, foram apreendidos uma mochila azul com dois tabletes, mais 5 porções, uma bolsa feminina marrom com três tabletes, uma balança de precisão, outras duas porções grandes cortadas e prontas para venda.

O barracão pertence ao empresário, Arilson Oliveira, dono de uma loja material de construção, em Várzea Grande. Ele foi abordado na Avenida Felinto Muller, após a prisão de seu comparsa Welton Ferreira de Barros, que foi preso em uma casa no bairro Unipark, onde os policiais encontraram 1 tablete, 1 pedra média de pasta e outra balança de precisão. Com os presos também foram apreendidos R$ 692 e 2 dólares.

Leia também:  Ex-PM envolvido em assaltos é preso ao tentar atirar contra policiais na Capital

Todos serão presos por tráfico de drogas e serão encaminhados a uma unidade prisional da Capital, assim que o procedimento for finalizado na DRE.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.