Irretocável e consistente. Estas palavras definem bem o que tem sido a atual temporada da Fórmula 1 para Lewis Hamilton. Bicampeão mundial e líder isolado do campeonato, o inglês da Mercedes já é o competidor com as melhores marcas na primeira metade do calendário da categoria, com cinco vitórias e oito pole positions em nove etapas disputadas. De quebra, o último triunfo do piloto de 30 anos foi em casa, na frente de 140 mil fãs, no tradicional circuito de Silverstone. Campeão no ano passado, Lewis crê estar em forma ainda melhor em 2015:

– Silverstone é um circuito ótimo para mim. Vou treinar muito para a segunda parte da temporada da Fórmula 1, para voltar com a certeza de que ainda vou ter muita força. Ano passado foi excepcional, e penso que neste ano estou indo tão bem quanto, mas ainda um pouco melhor. E eu não imaginava que isso poderia acontecer – analisou Hamilton.

Leia também:  Eurico Miranda é afastado da presidência do Vasco por ser acusado de apoiar vandalismo de torcida

Além da vitória do último fim de semana, o competidor inglês já ganhou no circuito inglês em outras duas ocasiões: 2008 e 2014. E foram justamente nestas temporadas que Hamilton se sagrou bicampeão mundial.

– O plano é ser campeão mais uma vez. É para isso que trabalho. Então, estou feliz de uma maneira geral e agora vou para a Hungria. Estou aproveitando a vida e pilotando como nunca havia feito antes – comemorou o bicampeão mundial.

O inglês abriu 17 pontos de vantagem para seu companheiro na Mercedes, Nico Rosberg. E a próxima chance que Hamilton terá para vencer corridas e somar mais pontos na tabela será daqui a três semanas no GP da Hungria, no circuito de Hungaroring. A prova é válida pela décima etapa da categoria e marca o fim da primeira metade da competição.

Leia também:  União começa neste domingo sonho de voltar à Copa do Brasil
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.