Dan Henderson já revelou vontade de fazer revanche contra Vitor Belfort. Agora, outro brasileiro entrou na lista do ex-campeão do Strikeforce e Pride: Anderson Silva. Segundo o americano, que já soma 18 anos de carreira e 44 de idade, além de Gegard Mousasi, esses são os lutadores que pretende enfrentar antes de encerrar a carreira.

– Tem provavelmente dois ou três caras no meio-médio que eu acho que os fãs gostariam de me ver lutando. Revanches contra Anderson Silva e Vitor Belfort, além de Gegard Mousasi, a quem eu não acho que tive a chance de lutar na primeira vez – disse, em entrevista ao ex-lutador do UFC Frank Trigg.

Leia também:  Times de Mato Grosso vão mal na rodada de final de semana

Henderson repetiu o que já tinha falado sobre uma revanche contra Vitor. Segundo ele, não faz sentido enfrentar “The Phenom” no Brasil, onde seu médico “é diretor da comissão atlética”. Além disso, o americano falou sobre o caso de doping de Anderson Silva, que foi pego por uso de substâncias ilegais em sua última luta, contra Nick Diaz.

– Acho que Anderson surpreendeu muita gente. Quem sabe o que ele usava quando era campeão? Não tenho ideia, mas acho que obviamente que ele fez alguma coisa para ser pego da última vez. Quem sabe se ele vai conseguir voltar ou não?

O veterano ainda tem duas lutas restantes no seu contrato atual com o Ultimate, assinado no começo de 2014, quando vinha de três derrotas consecutivas. Em suas últimas sete lutas, “Hendo” saiu vitorioso em apenas duas. Mas ele vem de vitória. Em junho deste ano, o lutador nocauteou Tim Boetsch no primeiro round, no UFC Fight Night 68.

Leia também:  Público reage e evita prejuízo para o União
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.