Os registros de homicídios dolosos no estado do Rio de Janeiro chegou, em junho, ao menor índice dos últimos 24 anos, informou hoje (14) o Instituto de Segurança Pública. Baixada Fluminense e Grande Niterói tiveram quedas de 27,5% e de 31%, respectivamente, no primeiro semestre de 2015, em relação ao mesmo período do ano passado.

Foram registrados, no mês passado, 272 homicídios dolosos em todo o estado – menor índice de toda a série histórica, desde que os dados começaram a ser disponibilizados pela Polícia Civil, em 1991.

Anteriormente, o melhor resultado registrado foi em agosto de 2012, com 294 mortes. A letalidade violenta (soma de homicídio doloso, latrocínio, homicídio decorrente de intervenção policial e lesão corporal seguida de morte) também apresentou, em junho, o menor número de toda a série histórica. Foram 334 casos no estado, 107 a menos do que no mesmo mês do ano passado.

Leia também:  Na tarde mais fria dos últimos 4 anos de SP morador de rua é encontrado morto

Desde o início do ano, foram registrados 2.101 homicídios no estado do Rio de Janeiro, o que representa queda de 22,8% ou 622 mortes a menos do que em igual período de 2014. As reduções mais significativas ocorreram na Baixada Fluminense, com 297 casos a menos. Em contrapartida, os homicídios decorrentes de intervenção policial aumentaram 21,3% em junho deste ano, na comparação com o mesmo mês ano passado. Subiram de 287 para 348 mortes.

Os registros de roubos a transeuntes também caíram significativamente no mês passado. De 6.716 casos em junho de 2014, caíram para 4.446 no mês passado – uma redução de 2.270 casos, ou 33,8%. Houve queda ainda de 17% no número de estupros na comparação mensal: de 2.929 para 2.432.

Leia também:  Venda irregular de sepulturas em cemitério de MG é investigado
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.