Mais uma pessoa foi presa pela Policia Judiciária Civil no município de Rosário Oeste (MT), na manhã de quarta-feira (09), em continuidade a operação “Boca Fechada”, desencadeada na região com objetivo de coibir o tráfico doméstico de drogas.

O acusado, Blendon Rafael Campos Silva, 18, foi preso por força de mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça da Comarca de Rosário Oeste, por tráfico de drogas. Ele teve o pedido de prisão representado pelo delegado de polícia, Guilherme Berto Nascimento Fachinelli.

O suspeito foi identificado como o proprietário de umas das residências alvo dos mandados de busca e apreensão domiciliar, cumpridos na operação “Boca Fechada”, realizada no dia 2 de julho. Na ocasião os policiais civis apreenderam porções de entorpecente na casa de Blendon, que fica no bairro Cohab Nosso Lar, mas o suspeito não foi localizado.

Leia também:  Grampos clandestinos | PC deve prender 9 durante operação em MT

Com a ordem judicial expedida, os investigadores de Rosário Oeste realizam vigilância nas proximidades da casa e conseguiram prender Blendon, que é também suspeito de três homicídios ocorridos no município de Nova Mutum, ainda quando menor de idade.

Operação

O operação “Boca Fechada” foi realizada no dia 2 de julho para combater o tráfico doméstico nos municípios de Nobres (146 Km a Médio-Norte) e Rosário Oeste (128 km ao Norte). A ação reuniu cerca de 80 policiais civis cumprimento a 20 mandados de busca e apreensão domiciliar em locais apontados como ponto de venda de drogas.

Dos 20 mandados de busca e apreensão, 10 foram cumpridos em Nobres e 10 em Rosário Oeste, resultando na desarticulação de 6 bocas de fumo, 2 pessoas presas em flagrante pelos crimes de tráfico de associação para o tráfico, 2 termos circunstanciados de ocorrência (TCO), 1 ato infracional de tráfico de entorpecentes.

Leia também:  Desarticulada boca de fumo que atuava na região da Vila Aurora em Rondonópolis

Na ação, foram apreendidas cerca de 60 trouxinhas de pasta base de cocaína, 6 porções médias de maconha, 1 porção grande de cocaína, substâncias utilizadas para misturar a droga, aproximadamente R$ 200 em dinheiro trocado, característico da atividade de tráfico e vários objetos de origem ilícita, provavelmente trocados por drogas.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.