pessoas morreram desde o início de julho após serem chifradas por touros durante festivais na Espanha – quatro delas no último fim de semana, 15 e 16.
Estas mortes ocorreram em touradas de rua, e não em arenas. Trata-se de um número alto e incomum de fatalidades em período tão curto.

Entre os mortos neste final de semana está um conselheiro municipal atingido por um touro em Peñafiel, cidade próxima a Valladolid, ao norte de Madrid, no sábado (15).

Ainda mais ao norte, um rapaz de 18 anos morreu na noite de domingo (16) após ser chifrado no estômago em Lerin, na Província de Navarra. As outras mortes ocorreram em festivais nas regiões de Valência, Murcia, Toledo, Castelló e Alicante.

Leia também:  Alemão faz chamada alarmante para polícia ao confundir abobrinha com bomba

No ano passado, mais de 7,2 mil touros e bezerros castrados foram mortos durante corridas de touro na Espanha, segundo informações do site de notícias .

Cerca de 2 mil corridas de touro são realizadas no país anualmente, mas o número têm diminuído. Em 2010, a Catalunha se tornou a segunda região espanhola a banir essa tradição – as Ilhas Canárias foram a primeira.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.