Foto: reprodução
Foto: reprodução

A baixa temperatura, baixa umidade do ar e ventos frios, provocam o aumento das moléstias respiratórias durante as estações do Inverno e Primavera. A causa principal é a ação de poeiras e de micro-insetos (ácaros) que se desenvolvem junto ao mofo e se acumulam nas roupas, cobertores etc, guardadas por longo tempo nos armários.

Algumas recomendações que podem atenuar o efeito são:

Manter arejados os ambientes internos. No Inverno, abrir as janelas entre 10 da manhã e 5 da tarde é uma boa medida.

O uso de aparelhos para purificação do ar (esterilair) também pode ser recomendado.

Evitar carpetes ou cortinas que acumulem poeiras.

Evitar roupas e cobertores de lã ou com pêlos. Agasalhos recomendados: malha, moleton, nylon ou couro.

Leia também:  Inserir a caminhada na rotina merece cuidados e atenção com a saúde

Colocar as roupas típicas de inverno (blusas de lã, cobertores etc) no sol.

Recobrir colchões, travesseiros e almofadas com plásticos. A cama deve estar afastada da parede. Coloque livros e objetos em armários fechados. Limpar a casa com pano úmido (principalmente os cantos do quarto, beiradas e estrados da cama). Evite produtos de limpeza com cheiro ativo, preferindo o álcool.

Evitar permanecer em cômodos úmidos, fechados, lidar com papéis, roupas e objetos guardados por muito tempo.

Evitar animais de pêlo ou pena dentro de casa.

Não permitir que fumem em ambientes internos.

 

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.