cigarro tabagismoA fumaça do cigarro possui aproximadamente 4.720 substâncias tóxicas que trazem riscos à saúde. As mais conhecidas são a nicotina e monóxido de carbono, mas há também substâncias radioativas como polônio 210 e cádmio – este último também encontrado na bateria dos carros!

Para completar, o cigarro ainda está associado a doenças cardiovasculares e a praticamente todos os tipos de câncer, em especial o pulmonar, de boca, de laringe e o renal. Conseguir parar de fumar, contudo, é um desafio para todos. Muitas das substâncias presentes no cigarro causam dependência, e o ato de fumar acaba se tornando um hábito cotidiano difícil de ser mudado.

O que acontece com seu corpo ao parar de fumar?

Leia também:  Alimentação equilibrada pode ajudar na regulação da memória

Após 20 minutos: a pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal.
Após 2 horas: a nicotina é eliminada do sangue.
Após 8 horas: o sangue volta a apresentar nível de oxigênio normal.
Após 12 a 24 horas: os pulmões passam a funcionar melhor.
Após 2 dias: seu olfato volta a perceber os aromas e o paladar já consegue saborear melhor a comida.
Após 3 semanas: a respiração se torna mais fácil e a circulação também apresenta melhoras.
Após 1 ano: o risco de morte por infarto já se reduziu à metade.
Após 5 a 10 anos: o risco de sofrer infarto é igual ao das pessoas que nunca fumaram.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.