Alerta importante! Este post conta com um grau máximo de fofura, logo, preparem-se para segurar seus suspiros a cada foto. Dito isso, começa o registro da tendência que não é novidade no mundo da fotografia internacional, mas tornou-se forte no Brasil recentemente: o ensaio newborn.

É a procura do momento dos recém papais e a nova moda fotográfica tem tudo para ganhar mais adeptos. Como o próprio nome já diz, nestes ensaios, os modelos devem ser recém-nascidos, entre cinco e 20 dias de vida. Não precisam nem mesmo abrir os olhos para derreter corações…

Vamos saber mais sobre este serviço em alta e os acessórios em torno dele?

Delicadeza a cada flash: assim como fotógrafos aptos para registrarem casamentos ou eventos sociais, o ensaio com recém-nascidos demanda profissionais preparados para este tipo de trabalho. Tainan Basile, autora dos cliques com os bebês Paloma e Murilo acima, conta que é imprescindível respeitar o ritmo de cada bebê nas sessões. A fotógrafa, que se profissionalizou no segmento com um curso nos EUA, diz que é sempre necessário ter pausas entre trocas de adereços para novas poses. “Quem manda na sessão é o bebê. Ao longo da sessão, consigo saber se o bebê já deu tudo de si, se ainda vai ser possível realizar fotos em mais algum cenário.”

Leia também:  Conheça as tendências de acessórios que são a aposta do momento | Moda e Beleza

Cada bebê, um ritual: as fotos costumam ser marcadas para os primeiros quinze ou vinte dias do bebê, segundo Cristine Paz, fotógrafa e designer da loja Chez Cris. É a fase em que o pequeno se mostra mais flexível para as poses e dorme bastante, o que facilita o ensaio.

Por serem tão novinhos, Cris salienta a dinâmica intensa e variável que envolve todo processo: ela escolhe som ambiente que agrade o bebê, limita o número de pessoas no ambiente para deixá-lo tranquilo e respeita as posições possíveis para o modelo. “Dependemos 100% do humor do bebê. É lidar com o imprevisto o tempo todo. Uma sessão pode durar até 4 horas.”

Personalização e cenários: da mesma forma que é o modelo das fotos que dita as posições possíveis, são os pais que também podem optar pelos mais diversos ambientes para os registros. Os profissionais desta área costumam investir em acervo como cestarias, mantas, tricôs, laços e gorros para tornar a produção de cada foto ainda mais especial. Em seus ensaios, Cris conta que são os bebês as estrelas, então, sempre procura usar peças simples e nacionais. Ela salienta a necessidade de escolher acessórios com qualidade e segurança. Já Tainan, revela que o seu acervo de peças brasileiras ainda é pequeno e que o nicho tem grande potencial para crescer mais no país.

Leia também:  Aprenda dicas rápidas para uma maquiagem perfeita

Entre nossos lojistas, as criações para este segmento já se destacam, inclusive de cenários como os do Ateliê Cafofo Criativo (foto xícara). A sua criadora Cristina da Costa, que antes realizava peças para ensaios com bebês mais velhos, afirma que hoje a procura está cada vez focada nos recém-nascidos.

Para as futuras mamães que achavam que pensar em lembrancinhas para maternidade e chá de bebê eram as únicas tarefas criativas durante a gestação, é hora de também pensar em incluir as sessões newborn na lista. O trabalho de escolher fotógrafo e adornos deve ser pensado com antecedência e não há pais que resistam a esta experiência.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.