O senador José Medeiros destacou em Plenário que chegou nesta segunda-feira dos Estados Unidos, onde esteve em missão oficial do Senado Federal. Membro da Frente da Frente Parlamentar pela Liberdade Religiosa e Ajuda Humanitária, o senador participou em Nova York do Painel Internacional que reuniu 112 parlamentares de 52 países, junto com representantes de diversas religiões.

“Nesse painel foi discutida questões como intolerância religiosa, e o quanto temos de lutar para que as pessoas possam ter a liberdade de professar os seus credos, de ter a sua religião, sem que sejam, por isso, presas ou mortas. Temos casos em vários países de pastores presos, de padres mortos, de cristãos sendo degolados, e muçulmanos sem poder professar a sua fé…”, destacou.

Leia também:  Câmara rejeita projeto de novo cálculo do IPTU

Segundo José Medeiros, os parlamentares dos países participantes assinaram uma resolução sobre o tema, entre as quais “saber o quão crucial são os esforços das organizações da sociedade civil, líderes religiosos, e acadêmicos que batalham arduamente pela livre prática religiosa ou crença em suas comunidades e todos aqueles que possam ser atingidos por seus esforços”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.