O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) publicou nesta quinta-feira (24) o edital de seu concurso público para provimento de 12 vagas e preenchimento de cadastro de reserva. As inscrições iniciam no dia 2 de outubro e seguem até o dia 21 de outubro exclusivamente pelo site do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília.

As provas estão previstas para serem realizadas no dia 13 de dezembro. Estão abertas as seguintes vagas para chamamento imediato: quatro vagas para o cargo de Analista Judiciário da área jurídica, formação exigida em Direito, lotação no Interior do Estado; cinco vagas para Técnico Judiciário, nível médio como formação exigida, também com lotação no Interior; três vagas para Técnico Especializado em programação de sistemas, com formação exigida de nível médio acrescido de cursos que totalizem 180h na área de desenvolvimento ou programação de sistemas, lotação na sede administrativa.

Leia também:  Jaciara receberá a última etapa do 'Circuito Ultramacho' de 2017

A jornada semanal de trabalho é de 40h e a remuneração mensal alcança os R$ 8.803,97 para o cargo de analista judiciário, e R$ 5.365,92 para o cargo de técnico judiciário. Os valores são referentes ao início da carreira.

A taxa de inscrição para concorrer às vagas de analista judiciário é de R$ 90. Já para se inscrever a uma vaga do cargo de técnico judiciário, a taxa foi fixada no valor de R$ 70. O pedido de isenção da taxa deverá ser feito via formulário disponível no site de inscrição para o concurso. As exigências para obter a isenção estão disciplinadas no edital do concurso.

Segundo o secretário de Gestão de Pessoas e Presidente da Comissão do Concurso, Valmir Nascimento Milomem Santos, “a previsão é que o concurso seja homologado até o final de março de 2016. Após a nomeação e entrada em exercício, os novos servidores passarão por treinamento na Sede do Tribunal antes de serem enviados aos seus postos de trabalho”. O presidente da comissão lembrou que a grande maioria das vagas é destinada aos cartórios eleitorais do Interior de Mato Grosso.

Leia também:  Saúde foca em realização de novo concurso

O secretário explicou que a definição dos municípios que irão receber os servidores somente será divulgada após a conclusão do concurso. “Faremos um levantamento em todo o Estado para confirmar onde a necessidade de servidores é maior. A nossa força de trabalho total no TRE é de 305 servidores, um número pequeno para as necessidades e dimensões de Mato Grosso”.

Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.