Dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam que em 2012 foram registrados 52,6 mil novos casos de Câncer de Mama no Brasil - Foto Ilustrativa
Campanha Outubro Rosa – Foto Ilustrativa

O mês de outubro é conhecido na área de saúde por ser dedicado a prevenção de câncer de mama. A campanha ‘Outubro Rosa’, estimula mulheres com idades entre 50 a 69 anos, a fazer o exame mamográfico e a alertá-las quanto a importância da prevenção e diagnóstico precoce.  Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), que desde 2010 participa do movimento, a estimativa que o número de casos entre os anos de 2009 a 2014 houve um aumento de 13,4%. Em 2015, para o Brasil, são esperados 57.120 casos novos de câncer de mama.

Segundo a Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis (APOR), foram feitos de janeiro até o dia 15 de outubro, 2,6 mil atendimentos (refere a procedimentos que podem se repetir para um único paciente). Em 2014, o número de atendimentos com pessoas com câncer de mama era de 2.580.

Leia também:  Já ouviu falar em falsa magra?
Foto: Reprodução / Blog do Câncer
Foto: Reprodução / Blog do Câncer

Conforme os dados da APOR, houve um aumento na média de atendimentos mensais em 2015 comparado ao ano anterior. Em 2014, a média era de 215 atendimentos, neste ano subiu para 260.

Dados divulgados pelo Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), em 2013, indicam que a mortalidade de vítimas do câncer de mama no país era de 14.388 casos, sendo 181 homens e14.207 mulheres.

Campanha Outubro Rosa 2015

Em 2015, a campanha do INCA no Outubro Rosa tem como objetivo fortalecer as recomendações para o diagnóstico precoce e rastreamento de câncer de mama indicadas pelo Ministério da Saúde, desmistificando crenças em relação à doença e às formas de redução de risco e de detecção precoce.

Leia também:  Pular o café da manhã entope os vasos e afeta o coração

Espera-se ampliar a compreensão sobre os desafios no controle do câncer de mama. Esse controle não depende apenas da realização da mamografia, mas também do acesso ao diagnóstico e ao tratamento com qualidade e no tempo oportuno. Ressalta-se ainda a necessidade de se realizar ações ao longo de todo o ano e não apenas no mês de outubro.

Os eixos da campanha são:

  • Divulgar informações gerais sobre câncer de mama.
  • Promover o conhecimento e estimular a postura de atenção das mulheres em relação às suas mamas e à necessidade de investigação oportuna das alterações suspeitas (Estratégia de Conscientização).
  • Informar sobre as recomendações nacionais para o rastreamento e os benefícios e os riscos da mamografia de rotina, possibilitando que a mulher tenha mais segurança para decidir sobre a realização do exame.
Leia também:  5 trocas saudáveis e gostosas para o café da manhã dos diabéticos
Advertisements

Comentários

*Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do site.